Não nos mata

E hoje, pela primeira vez, o por do sol não me encantou. Nada me encanta desde que eu saí da sua casa e deixei meu coração por lá. Nada me encanta desde que você disse que não sabia se ainda podia cuidar de mim, que precisava cuidar mais de si. Deixa eu te cuidar e cuida de mim, deita no meu colo, deixa eu te fazer cafuné e de chamar de meu amor. Vem cá, vamos sair pra qualquer lugar, deixa eu te mostrar que a vida é mais bonita a dois.
Você diz que me quer, mas não tem certeza, minha garganta se prende em nó e meus olhos marejam quando você me chama pelo nome e não por um apelidinho bobo, como você costumava.
Eu te perdoei por tanta coisa, e você me martiriza por chorar por você, pelo medo de te perder. Você pediu pra que eu ficasse e me dispensou pela manhã. Meu coração tá apertado, tá doendo, meus pais dizem que eu não devo correr atrás de você, mas meu mundo está escapando das minhas mãos e eu não sei como agir, eu não sei o que fazer.
O choro rasga minha garganta, explode em meus olhos, eu não consigo segurar. Você me deixou partida, quebrada, estilhaçada. Você matou meus pedacinhos e você está matando tudo o que eu tenho de bom. Você vai me fazer desistir de tudo, como você está fazendo? Volta pra mim, mas volta hoje, enquanto eu to aqui de braços abertos, volta pra mim enquanto eu espero por você. Eu não quero desistir de tudo, meu amor e de tudo o que a gente viveu. Não mata nossas caminhadas na beira da praia, nossos primeiros beijos tímidos, nossos sorrisos disfarçados no meio de todo mundo, nossa viagem pra Serra depois que eu sair da faculdade. Não mata nossas tardes de video-game e séries incessantes. Não mata tudo o que a gente construiu até aqui, não mata, não deixa morrer. Fica comigo mais dois anos, quatro, mil. Eu não quero te perder. Eu não quero me perder.

19 anos, taurina. Escritora de gaveta, cantora de chuveiro e futura CSI

Um comentário:

  1. Não sei se isso é o que você gostaria de ler, mas ás vezes chegamos em um momento da vida em que algumas coisas e pessoas tem que partir. Um relacionamento é uma troca, não pode ser vivido por um só. Não se perca, você escreve coisas tão bonitas... Outras pessoas também merecem ver essa alma bonita que se esconde aí por trás dessas palavras tão tristes.
    Beijos rimados pra você :*

    ResponderExcluir