Ligação.

-Alô?!
-Alô! Olha, quero apenas que me ouça. Estou ligando pra você pois há coisas que preciso-lhe dizer. Eu sei que seria mais sensato de minha parte esperar, mas esperar pelo que? Pelo fim do mundo, Natal, pelo Ano Novo, pelo aniversário de nosso primeiro beijo, pela Páscoa, pelo meu aniversário, pelo aniversário do cachorro do seu bisavô, mas eu não pude mais esperar. Não pude esperar nem mais um segundo para ouvir sua voz, eu venho esperando muito desde o dia em que percebi que sentia sua falta. Olha, eu queria te contar como minha vida mudou desde que... Bem, desde que eu decidi me afastar. Eu queria te contar que minha vida está quase voltando ao normal, na verdade quase que só falta você pra ela ser como era antes, eu queria te contar que amanhã eu começo no emprego novo e que vai dar tudo certo e eu sei que eu tenho seu apoio e isso me conforta, mas eu queria principalmente contar que não há um dia em que eu não sinta sua falta. Me parte o coração o seu silêncio, pois tudo o que eu queria era parar de falar e apenas ouvir a sua voz me contando da sua vida, do seu dia-a-dia, dos seus feitos e realizações, mas infelizmente sou eu quem preciso abrir o coração. Olha, teve um dia em que eu ouvi Naive - The Kooks e veio em minha mente você cantando "I know she knows that i'm not fond of asking, true or false it may be she's still out to get me" e eu chorei. Pela primeira vez em muitos meses eu chorei, eu chorei porque eu quis você, e já faz mais de um mês que eu venho chorando, que eu venho sentindo sua falta. 
Eu queria que você soubesse que não há um dia em que eu não deseje voltar atrás pra tentar fazer a gente dar certo, pra ao menos poder ver como estaríamos hoje. Não há nada em você que eu não sinta falta, eu sinto falta do seu cheiro, da sua voz, do seu sorriso, das cores dos seus olhos, da sua voz, dos seus conselhos, do som da sua risada, o seu apoio, sinto falta até dos seus xingamentos e brigas, sinto falta de você desabafando, de você chorando, sinto falta de você me acordando com beijinhos e tudo mais. Olha, eu sei que você deve estar achando que eu seja louca, e talvez eu seja, e eu também sei que talvez seja tarde de mais pra ligar, mas eu acredito que antes tarde do que nunca. Eu não espero que você me aceite de volta agora, mas eu quero que você saiba que, do fundo do meu coração, eu amo você e eu quero que você saiba que eu vou estar aqui se um dia você também sentir minha falta, porque eu estarei aqui. Se eu não fui embora até agora eu posso lhe garantir que estarei aqui pra quando você quiser. Eu não sei se você quer me falar algo ou você está surpreso de mais, mas eu quero te dizer que eu ainda amo você. Tchau.
-Hey, espere...
[...] 

19 anos, taurina. Escritora de gaveta, cantora de chuveiro e futura CSI

Nenhum comentário:

Postar um comentário