Sempre tenho a estranha sensação, embora tudo tenha mudado e eu esteja muito bem agora, de que este dia ainda continua o mesmo, como um relógio enguiçado preso no mesmo momento – aquele. -Clarice Lispector

21 anos, taurina. Escritora de gaveta, cantora de chuveiro e sonhadora em tempo integral.

Nenhum comentário:

Postar um comentário